A apropriação cristã da iconografia greco-latina:

A estruturação de uma nova religião − o cristianismo − não representou uma ruptura com a cultura e a arte greco-romanas. Contrariamente, verificou-se a apropriação de símbolos e imagens, que vão ser integradas em novos esquemas compositivos e dotadas de um significado distinto em correspondência com os novos princípios doutrinários. Neste quadro tem particular evidência a imagem do Crióforo greco-latino, cujo modelo formal se perpetuou na arte cristã sob a forma do Bom Pastor. Leia mais

Fonte:

Maria de Fátima Eusébio
MÁTHESIS 14 2005 9-28

Nenhum comentário:

Postar um comentário